Seja poderosa, sedutora e magnética

Home / Seja Poderosa / DICAS PARA A PRIMEIRA VEZ

O Maior Portal de Cursos Online Para Mulheres do Brasil

DICAS PARA A PRIMEIRA VEZ

SHARE
, / 2759 0

A virgindade e os mistérios que a envolvem

Mesmo com muitas informações disponíveis, é impressionante como muitas mulheres me procuram para orientá-las sobre a “primeira vez”. Acredito que elas não estejam, necessariamente, em busca de informações, alias, o “pai Google” está aí para isso, etão, talvez seja, realmente, para um desabafo ou troca de ideias mesmo… Como se elas buscassem aquela amiga que as ajudará a ter mais confiança naquilo o que sabem: será inevitável.

Querida Van, tenho 19 anos e sou virgem. Estou namorando há 2 meses com um rapaz que não é mais virgem. Gostaria de saber se já é o momento de ir para a cama com ele e quais são as dicas para a primeira vez… Será que vou sentir muita dor? O que eu devo fazer para arrasar e dar prazer a ele?

Ass: Maria Lacrada

Amiga linda, sim, eu “já deixo” você perder a sua virgindade…rs e sim, você já está apta para a primeira relação sexual. Sabe, depois que a mulher atingiu a puberdade e menstruou ela já pode ter relação sexual do ponto de vista físico, ou seja, o corpo dela já está, naturalmente, preparado para o sexo. Do ponto de vista emocional vai depender outro fator: Querer. Se você quiser e se seu corpo já estiver preparado então é a hora.

Tem meninas que menstruam aos 9 anos de idade, mas neste caso elas não estariam ainda aptas a ter relação sexual porque a puberdade não se manifestou por completo nelas, seu corpo ainda está se formando, sua mente ainda é infantil e ela não sente, necessariamente, desejo sexual – não se pode confundir “desejo sexual”, com “prazer nas zonas erógenas” -, mas no seu caso, 17 anos está ótimo e como você mesmo disse, você quer.

A média das brasileiras é de iniciar a vida sexual aos 15 anos (e os meninos aos 14). Algo muito importante de você saber, amiga, é sobre o que você sente, por aquele que escolheu para dar a sua virgindade… É importante que seja uma pessoa emocionalmente do seu agrado e na condição em que você escolheu, afinal, esta é a sua primeira vez e por isso é de muita importância que você esteja se sentindo o mais à vontade possível.

A decisão é sua. 

Não tem pessoa “certa” ainda nessa idade no sentido de “Grande Amor da Vida” ou “futuro marido, para sempre”… Não caia nessa, porque, vamos ser sensatas, você ainda não está na fase de casar, isso você deveria fazer somente depois que já se tornou adulta, que já conheceu um pouco mais da vida, que experimentou algumas relações amorosas e sexuais e assim possuirá parâmetros para ter maior possibilidade para escolher alguém de seu agrado para uma vida á dois.

Não que seja impossível dar o tiro certo de primeira, mas saiba, é o menos comum… Isso porque, o “homem para casar” será aquele que demonstrará ser um homem responsável, protetor e cuidador… Normalmente os homens só afloram isso após certa idade e acontece um grande problema nos casos em que a mulher casa cedo demais, com um cara igualmente jovem, e com o passar do tempo, o que aflora nele é a personalidade de um moleque… de um fanfarrão…

O que é importante, no seu caso, é que você leve em conta que pelo fato de você ser inexperiente está isenta de cobranças, ou seja, não precisa demonstrar desempenho nem ser uma “Acrobata Sexual“.

Lembrando, é claro, que quem tem de mostrar desempenho é gerente de vendas e atleta, mas enfim, acontece de muitas pessoas se cobrarem muito e geralmente esta autocobrança, em ter de “fazer certo” a qualquer custo na Hora H, deve-se ao fato da pessoa estar mais preocupada com a aprovação do outro do que com o próprio prazer em si.

Mas o fato é que uma virgem não tem de ser boa de cama, aliás, ninguém na vida deve ter essa obrigação. “Boa de Cama”é uma desenvoltura natural do processo, uma consequência de quem treinou e se livrou de tabus que levam à culpa, como o pecado o, crime, o castigo, por exemplo, e se permitiu se entregar ao momento.

Ou seja, ser “boa de cama” é ser livre das amarras psicológicas como o medo, a ansiedade, a autocobrança…

Vou até aproveitar a oportunidade para falar algo, já que você está quase “perdendo a virgindade“: não entre nessa nova fase cheia de neuras como a maioria das pessoas que se cobra orgasmo, que se cobra acertar a posição, que se cobra o tempo de relação, que se cobra agradar o outro, que se cobra “matar a pau” todas as vezes etc… Lindona, gente assim nunca será, de verdade, feliz no sexo.

‘Ser feliz no sexo’ significa se deixar levar pelo seu sentimento e que a segurança seja o seu chão.

Sabe, as pessoas que são boas de cama não necessariamente são aquelas que fazem todas as posições (anal, oral, sentada, de costas, frango assado…), mas sim são aquelas que simplesmente se entregam à situação sem a menor auto-cobrança e que permitem se entregar, sem deixar que os problemas do dia a dia estejam em sua mente na hora do sexo.

Uma coisa é certa, amiga, o orgasmo somente virá quando você se sentir segura, tanto com o cara que você está se relacionando como, o mais importante: quando se sentir segura contigo mesma. 

E uma vez que você entendeu que você não é obrigada a nada você já tem aí 50% de chance de gostar muito de sexo e se dar bem entre quatro paredes.

Agora vamos as dicas práticas: Saiba que sexo oral você não precisa fazer na primeira vez e muito menos anal. Isso são etapas que você pode ou não se lançar a fazer, com o tempo… Tudo dependerá, volto a dizer, do quão segura você estará. você vai agregando complementos ao sexo com o passar da prática. Não precisar “comer o estoque todo de uma vez”, experimente aos poucos. Não que não possa rolar, mas não se sinta aflita nem desesperada para fazer.

Digo isso porque tem muito cara sem noção que pode acabar te incitando a fazer isso ou aquilo já nas primeiras vezes… Vá com calma. Se o cara se entedia do trivial contigo, já nas primeiras vezes, é porque está interessado apenas no “produto” e não em você como um todo. Fique atenta e procure fazer sempre aquilo o que se sente segura em fazer, e não simplesmente para tentar agradá-lo.

Aliás, você já se tocou no clitóris e já descobriu o orgasmo sozinha? Saiba, masturbar-se faz parte, é gostoso e é o mesmo que fazer amor com a pessoa que você mais ama neste mundo: VOCÊ. Experimente se tocar, caso você ainda não tenha feito, e tente descobrir o prazer sozinha para depois poder direcionar a pessoa que está ao seu lado da forma como você prefere.

Ahhh, uma dica, para se masturbar use gel lubrificante sobre o clitóris também, assim escorrega e é infinitamente mais gostoso (a seco machuca e não tem muita graça). Comece com movimento circulares e repetitivos, assim é mais fácil atingir o orgasmo

Vamos lá, tente identificar o tipo de hímen que você tem para ir criando cada vez mais intimidade contigo, se você não é íntima a ti não poderá ser do outro. Para isso pegue um espelhinho, coloque entre as suas pernas e procure dar uma olhadinha. O Hímen está bem na entradinha, na portinha mesmo e não lá dentro da vagina como muita gente imagina..

São vários os tipos de hímen, mas 3 deles são os mais comuns, veja:

O tipo 1 é o anular

Mal dá para ver, né? Parece até que nem tem hímen, mas é que o hímen neste caso é uma fina camadinha que tem, bem em volta da cavidade (buraco), é literalmente o contorno da abertura, observe bem que você vai ver uma espécie de micro auréola em volta… uma borda. O hímen neste caso é o anel que mantém essa cavidade menor.

Este é o hímen mais fácil de romper, inclusive este é o hímen que a maioria das mulheres tem e é por isso que as virgens podem usar OB porque OB sempre passa naquele buraquinho ali sem alargar a borda, bem como pomada ginecológica também entra facilmente.

Este hímen não costuma doer e muitas vezes nem sequer sangra. Então, se você tiver este hímen não fique achando que você está com algum problema se simplesmente na Hora H for bom, não sangrar e não doer.

O tipo 2 é o Hímen Septado

Ele também é fácil de perder, dói um pouquinho só para romper, mas é bem pouca coisa, tipo um beliscão e às vezes nem isso. E ocorre sim, casos de a mulher ter relação sexual e ele não romper totalmente, sabe porque? Porque o pênis pode entrar por um dos ladinhos, principalmente se a pele, ali, for elástica. O mesmo acontece com a pomada ginecológica e o OB, entram numa boa.

O tipo 3 é o hímen Cribiforme

Note, ele tem mais pele, fecha mais a vagina e a menstruação passa por aqueles pequenos orifícios. Pouquíssimas mulheres tem o cribiforme e que bom!

Este é um pouquinho mais difícil de romper, logo, dói mais. É que ele está mais preso, veja como ele tem mais pele colada na circunferência e parece uma cortina que fecha a abertura.

Mas não se preocupe se você tiver o Cribiforme! Porque, já que você é aluna do clube, eu mesma te explicarei sobre a solução… E você com certeza nunca viu isso em lugar nenhum, porque muita gente apenas copia o que os outros falam ou, então, preferem continuar sempre no convencional de “se permita sentir, quebre seus tabus” em um blá, blá, blá bastante vago… como eu sempre disse, essa não é minha linha, eu dou dicas práticas…

Continuando, amiga, você poderá usar um spray anestésico de uso tópico, é um spray para mulheres que fizeram episiotomia ou seja, um spray para mulheres que tiveram o períneo cortado durante o parto. Este spray se compra na farmácia e tem de diversas marcas.

Borrife o spray apenas na entrada da vagina, um jatinho rápido é o suficiente, ela irá ficar levemente anestesiada neste local. Não deixe que o spray chegue perto do seu clitóris, senão você vai ter dificuldade de sentir prazer amiga, afinal, seu ponto principal de prazer é o clitóris. Daí amiga, anestesiando o hímen dê adeus a seu problema com a dor…

Lembrando que qualquer tipo de hímen, ainda por cima, pode ter a característica de Complacente  Ou seja, ele estica e volta ao normal, sem arrebentar nunca, somente em parto normal.

Hímen complacente não é problema, no meu ver é até uma beleza, você pode dar uma de virgem a qualquer hora do dia. A não ser que você faça questão de sangrar para provar ao outro sua “honra” e sua “palavra”. O que é uma bobagem, né? Afinal, se hímen for uma prova de honra eu já perdi a minha faz tempo e sem chance de recuperar.

Aliás, vocês sabem qual é a razão do hímen existir? Não é espiritual e nem divino. É apenas funcional-fisiológico, como qualquer parte do corpo humano.

Ele serve para manter a vagina mais fechada quando somos bebês e portanto mais protegida para que as fezes não entrem no canal da vagina e contaminem um órgão que ainda não tem condições de se proteger, afinal, somente após os 12 anos de idade é que começamos a ter uma melhor proteção da mucosa vaginal com um PH compatível a combater bactérias que podem adentrar sem convite. Deus foi bem perfeccionista em nos fabricar.

E com certeza ele jamais quis dar a entender que alguns iriam valer mais, e outros, menos, por causa de um pedacito de pele que male e male dá para ver. Chega a ser insano a valorização do hímen por algumas pessoas  e religiões… Mas… Cada um na sua, não é mesmo? Inclusive há historiadores que acreditam que Jesus tinha outros irmãos. Mas enfim, tudo isso de misturar religião, virgindade e pureza fica a critério de cada um e da forma como se procura ver a vida. E eu apenas falo com o intuito de fazer as pessoas pensarem… analise e veja no que é melhor, para você, acreditar e seguir.

Use camisinha na sua primeira relação sexual, tá ok? É Super legal começar da maneira certa, você vai se sentir bem consigo mesma e ficará em paz com a tua consciência. Gel lubrificante, por favor não esqueça! Muito carinho, se possível visite uma ginecologista para exames… e não se preocupa amiga que vai ser bom se você relaxar e se o escolhido for carinhoso, só por favor, pega leve e evite pênis muito grande para a primeira vez, tá certo?

E para você que ainda não me conhece, amiga, e está acompanhando essa conversa, eu, Vanessa de Oliveira, venho estudando o ser humano, num amplo aspecto (psicológico, emocional, relacional) já há anos e, hoje, como autoridade na área de relacionamentos proponho ensinar a você o conhecimento capaz de ajudá-la a se autoconhecer para se desenvolver num amplo espectro da vida pessoal, social, amorosa, profissional e por aí vai…

Certamente, lindona, ao se inteirar mais sobre os ensinamentos que passo através dos meus cursos, você sairá uma mulher verdadeiramente poderosa. São anos e anos, ajudando milhares de mulheres, amiga, e os depoimentos a seguir falam por si, olha só:

Esses são apenas alguns, entre os milhares, dos depoimentos que recebo dia após dia, miga e não param. Eu acredito que, como uma mulher inteligente, se você chegou até aqui, certamente você está disposta e quer muito ir mais adiante, não é mesmo?

Estamos falando de um aprendizado que envolve o conhecimento sobre além, apenas, das estruturas comportamentais e, para isso, amiga, basta você seguir direitinho as minhas instruções e estar aberta para aprender mais sobre si mesma, que a coisa simplesmente vai acontecer, até mesmo sem que você perceba… Quando viu, já foi… tipo isso.

No mais, é sempre bom você estar atualizada e atenta aos sinais que a vida te dá… E se você está lendo isso, nesse momento…

No meu curso, amiga, você terá tudo isso o que eu escrevi aqui nesse texto, com muito mais profundidade e mais, lindona… muito mais. INSCREVENDO-SE, CLICANDO AQUI, nesse link, você passará a ter acesso ao melhor conteúdo sobre relacionamentos, coquista, sedução, atração e tudo mais que abrange a vida a dois…

Dá só uma olhada em todo o conteúdo que você terá acesso, lindona, e vê se dá para deixar passar essa chance:

  • Aprender através de vídeos sequenciais, qual é a filosofia de vida de uma mulher magnética;
  • Quais são as ações que você deve tomar desde o momento do encontro até na hora em que estiver se relacionando com o cara;
  • Qual é o comportamento social mais adequado que você deve passar a ter;
  • Como você deve olhar para sua história e o que fazer nas mais variadas situações em relação ao amor;
  • Como potencializar o seu poder de conquista.
  • Vai aprender como se relacionar com os homens, e como desmistificar esse “grande bicho de 7 cabeças” da maioria das mulheres;
  • Você vai saber absolutamente tudo o que eu sei sobre sexo,

E muito… muito mais…

Em outras palavras, trata-se de um processo de desenvolvimento da sua vida pessoal e amorosa que não consiste apenas em Atrair e Seduzir, mas também, de trabalhar a Autoestima e Autoconfiança que são capazes de fazer você transformar sua vida daqui para os próximos 30 Dias… Quer mais? Então tá… Você ainda terá acesso ao Clube da Mulher Magnética, onde poderá conversar diretamente comigo pelos próximos 30 dias (sem pagar nada a mais por isso)…

É mole ou quer mais…? Te espero na primeira aula, lindona…

Vanessa de Oliveira.

037