Seja poderosa, sedutora e magnética

Home / Traição / SUPERE O PASSADO ANTES DE OLHAR PARA O FUTURO

O Maior Portal de Cursos Online Para Mulheres do Brasil

SUPERE O PASSADO ANTES DE OLHAR PARA O FUTURO

SHARE
, / 4152 0

Será que é possível fazer uma ligação entre mulheres que são mais suscetíveis à traição? Claro que sim e vou discorrer, nesse texto, uma dessas características, comumente encontrados em mulheres que já foram traídas. Isso que dará a você, Amiga linda, a oportunidade de reconhecer esses aspectos em ti e, caso os identifique, buscar melhorá-los o tanto quanto for possível.

Muitas mulheres começam a construir seus problemas ainda na infância – sem saber ou ter alguma responsabilidade sobre isso, é claro -, de modo que isso tudo se arrasta pela juventude e, mesmo na fase adulta, continuam mantendo essas situações, apenas trocando seus personagens. Do que eu estou falando? Dos TRAUMAS.

Vamos entender, em primeiro lugar, o que vem a ser um trauma:

Na psicologia, o trauma se refere a uma má experiência que, devido a sua intensidade, é capaz de deixar uma marca profunda na psique da pessoa.

Essas experiências emocionais ocorrem na vida de qualquer um e pode gerar efeitos negativos quando na fase adulta.

Por exemplo, Lindona: pense em como foi a tua infância com teu pai… Como era a relação entre vocês? O que você sentia em relação a ele? Ele foi um pai presente? Você gostaria que algo fosse diferente nessa relação? Ele era afetuoso? Ele tinha algum mau hábito? Ele era fonte de inspiração para você?

Porque essas perguntas? Simples, Amiga: porque as respostas dessas perguntas podem estar ligadas à sua predisposição em se atrair por determinados tipos de homens. Você já observou que alguns homens os quais você se relacionou, normalmente têm algo em comum que pode estar ligado ao teu pai, ou, mesmo, vinculado às situações que você viveu na tua infância?

Exemplo disso é a menina que cresce num ambiente com um pai autoritário e acaba, na fase adulta, buscando o mesmo tipo de namorado ou marido. Mulheres que na infância lidaram com pai alcoólatra têm grandes chances de se envolver com homens suscetíveis ao alcoolismo… Já notou isso?

Daí, escutamos aquela velha frase sobre o “dedinho podre”, sem levar em conta que a mente dessas mulheres podem estar fixadas, inconscientemente, em fatores relacionados à experiência de vida delas e que acabaram se mantendo como um repertório determinante para elas, no que diz respeito à pré-seleção dos seus homens.

O duro, Lindona, é que quando a mulher finalmente se dá conta de que fez uma má escolha, normalmente já está envolvida emocionalmente até o pescoço. Quando essa má escolha diz respeito a homens cafajestes e infiéis então… Nem se fala… Já parou para analisar quantas mulheres permanecem ao lado de homens cafajestes na esperança de que eles mudem?

A mulher tem inclinação a se tornar enfermeira emocional e, ao se envolver com determinados tipos de homens, tende a acreditar que será capaz de mudá-los, quase que buscando, obcecadamente, resolver na presente situação, o que não foi capaz de resolver na infância, no momento em que sofreu determinado trauma.

Exemplo disso, Lindona, é um pai que abandona a família para ficar com outra mulher. Imagina só a situação da menina ao se sentir abandonada ao mesmo tempo em que absorve todo o sofrimento da mãe… Não será surpresa se no futuro essa mesma menina, já crescida, se tornar uma mulher inclinada a se envolver com cafajestes de modo a, inconscientemente, tentar reverter o quadro que viveu na infância.

Não há como negar que algumas situações mexem com o nosso brio, não é mesmo, Amiga? Pegar aquele cara todo problemático e transformá-lo, da água para o vinho, parece nos colocar numa posição elevada, como se nossa presença fosse crucial na vida do “coitado”… Mas é aí onde estamos nos dispondo a dar um tiro no nosso próprio pé.

A predisposição para a transformação jamais deve vir de fora, Amiga, e sim de dentro. Ou seja: quando você se envolver com um cara e der conta de que alguns comportamentos ou valores dele poderão vir a gerar problemas a curto, médio ou longo prazo, ou você estabelece acordos firmes e que façam sentido para ele, ou CAIA FORA IMEDIATAMENTE.

Um relacionamento baseado em desconfiança, autoritarismo, dominação e perseguição apenas gerará atraso em tua vida. Jamais se coloque como mãe do teu parceiro quando deveria ser mulher dele. O cara ficará ao teu lado enquanto te ver como mulher e uma mulher deve inspirar o homem a ser melhor em todas as esferas possível, enquanto que o papel da mãe é protegê-lo e o defendê-lo, ainda quando consciente de que ele esta errado… Percebe a diferença?

Portanto, Amiga linda, fica aqui a dica sobre essa observação que deve fazer a respeito das tuas experiências na infância de modo que seja capaz de traçar uma linha paralela com tuas relações presentes. Isso ajudará para que você analise se não está repetindo, agora, as mesmas situações que vivenciou lá atrás.

Veja: o que passou, passou e cabe a você compreender sobre os recursos que tinha naquela época para lidar com determinadas situações. Entendido isso, será prudente evitar tipos de homens que possam vir a refletir as mesmas situações passadas já que compreendeu que ninguém é capaz de mudar alguém que não queira.

Por fim, Amiga linda, procure por homens dispostos a caminhar rumo aos mesmos objetivos que você e isso sim será capaz de gerar verdadeira parceria, fazendo com que o relacionamento seja um terreno fértil para o autodesenvolvimento de ambos assim como o progresso de uma relação sadia e prazerosa.

E para você que ainda não me conhece, lindona, eu, Vanessa de Oliveira, venho estudando o ser humano, num amplo aspecto (psicológico, emocional, relacional) já há anos e, hoje, como autoridade na área de relacionamentos proponho ensinar a você o conhecimento capaz de ajudá-la a se autoconhecer para se desenvolver num amplo espectro da vida pessoal, social, amorosa, profissional e por aí vai…

Certamente, lindona, ao se inteirar mais sobre os ensinamentos que passo através dos meus cursos, você sairá uma mulher verdadeiramente poderosa. São anos e anos, ajudando milhares de mulheres, amiga, e os depoimentos a seguir falam por si, olha só:

Esses são apenas alguns, entre os milhares, dos depoimentos que recebo dia após dia, miga e não param. Eu acredito que, como uma mulher inteligente, se você chegou até aqui, certamente você está disposta e quer muito ir mais adiante, não é mesmo?

Estamos falando de um aprendizado que envolve o conhecimento sobre além, apenas, das estruturas comportamentais e, para isso, amiga, basta você seguir direitinho as minhas instruções e estar aberta para aprender mais sobre si mesma, que a coisa simplesmente vai acontecer, até mesmo sem que você perceba… Quando viu, já foi… tipo isso.

No mais, é sempre bom você estar atualizada e atenta aos sinais que a vida te dá… E se você está lendo isso, nesse momento…

No meu curso, amiga, você terá tudo isso o que eu escrevi aqui nesse texto, com muito mais profundidade e mais, lindona… muito mais. INSCREVENDO-SE, CLICANDO NO BOTÃO ABAIXO, você passará a ter acesso ao melhor conteúdo sobre relacionamentos, coquista, sedução, atração e tudo mais que abrange a vida a dois…

Dá só uma olhada em todo o conteúdo que você terá acesso, lindona, e vê se dá para deixar passar essa chance:

  • Aprender através de vídeos sequenciais, qual é a filosofia de vida de uma mulher magnética;
  • Quais são as ações que você deve tomar desde o momento do encontro até na hora em que estiver se relacionando com o cara;
  • Qual é o comportamento social mais adequado que você deve passar a ter;
  • Como você deve olhar para sua história e o que fazer nas mais variadas situações em relação ao amor;
  • Como potencializar o seu poder de conquista.
  • Vai aprender como se relacionar com os homens, e como desmistificar esse “grande bicho de 7 cabeças” da maioria das mulheres;
  • Você vai saber absolutamente tudo o que eu sei sobre sexo,

E muito… muito mais…

Em outras palavras, trata-se de um processo de desenvolvimento da sua vida pessoal e amorosa que não consiste apenas em Atrair e Seduzir, mas também, de trabalhar a Autoestima e Autoconfiança que são capazes de fazer você transformar sua vida daqui para os próximos 30 Dias… Quer mais? Então tá… Você ainda terá acesso ao Clube da Mulher Magnética, onde poderá conversar diretamente comigo pelos próximos 30 dias (sem pagar nada a mais por isso)…

É mole ou quer mais…? Te espero na primeira aula, lindona…

Vanessa de Oliveira.