Seja poderosa, sedutora e magnética

Home / Traição / MULHERES PARASITAS – QUEM SÃO ELAS?

O Maior Portal de Cursos Online Para Mulheres do Brasil

MULHERES PARASITAS – QUEM SÃO ELAS?

SHARE
, / 4562 0

Para que um espaço seja ocupado, em primeiro, é necessário que ele esteja vazio. Porém, pode ocorrer, num segundo caso, o descarte daquilo o que não mais é necessário, com o fim de preenchê-lo com aquilo o que se quer.  O importante é que, em ambos os casos, cada um seja responsável por preencher as próprias lacunas, visto que, caso não faça, esteja certo de que outro o fará por você e em benefício próprio.

Esse texto é urgente que você leia, Amiga linda, pois trata de uma situação muito comum que observo em mulheres que passam por situações de traição. NÃO TER VIDA PRÓPRIA é uma coisa muito séria e pode te tornar vulnerável a ponto de você ficar suscetível a ser “preenchida” por um homem e se tornar dependente dele.

É bom lembrar que a dependência é ruim em qualquer aspecto da vida (financeira emocional, pessoas) e para ambos, lindona…

Usando a analogia da introdução, lindona: o perigo acontece quando você está lá, entediada, desorientada, ou seja, “com um espaço vazio em tua vida”, daí você conhece um cara que, de repente, parece te trazer algum sentido, alguma luz… É exatamente esse o momento em que tem de estar atenta.

Nesse momento, haverá grande possibilidade de você se “preencher” dele, das atividades dele, do amor dele e, inevitavelmente, te tornar dependente dele num amplo sentido: emocional, social, financeiro e até no que se refere ao teu sentido existencial.

Acha que posso estar exagerando? Ahh, Lindona, se você soubesse um pouquinho sobre as histórias que escuto de tantas mulheres…

Pode parecer exagero, mas essa é uma situação extremamente comum em um monte de relações. No segundo exemplo que dei (primeiro parágrafo), sobre “o descarte daquilo o que não mais é necessário, com o fim de preenchê-lo com aquilo o que se quer”, trata-se de outra situação, onde a mulher deixa de lado tantas coisas que eram importantes para ela e acaba colocando o homem como prioridade em tudo.

Essa é uma relação de poder que acontece nos relacionamentos e que é muito perigosa…

Da mesma maneira que é um risco abrir mão da autossuficiência financeira para te tornar dependente de um marido, por exemplo, essa mesma dependência quando envolve o social, o emocional e o espiritual (sentido de existência) acaba sendo tão inconveniente quanto, porque veja: na iminência do término da relação, você pode acabar perdendo todo o rumo da tua vida.

E não preciso nem falar, não é, Lindona, que quando uma mulher se torna dependente do cara, inevitavelmente se torna mais vulnerável e suscetível… Estou certa?

Amiga linda… Será que homens só traem quando estão insatisfeitos? Não só.

Muitos homens traem quando estão com excesso de confiança de si e na relação.

Quando eles se sentem seguros demais, é aí onde mora o perigo: o cara sabe que você orbita a vida dele; é dependente dele num amplo sentido… A traição será um grande atrativo para ele, visto que ele aproveitará dos teus medos e das tuas inseguranças para pintar e bordar na relação.

Ele começará a agir da maneira como bem entende, isso porque sabe que você está fraca e que é incapaz de ser firme o suficiente para colocar a relação com ele em risco. É fácil perceber, Lindona, quando outra pessoa depende da gente.

O interessante é perceber, nas relações de poder, que, não necessariamente, determinada pessoa é poderosa por si só, mas que, geralmente, esse poder é atribuído a ela exatamente por aquele que se coloca na posição de subjugo. Assim sendo, Lindona, olha só: a única pessoa que pode dar poder a um homem é você mesma, portanto, não faça isso jamais…

O importante é que você esteja preenchida em todos os sentidos de você mesma: financeira, social, pessoal e espiritualmente, de modo que um homem possa vir apenas para somar e te potencializar, mas jamais te “preencher”… Esse papo de “a tampa da panela”, “as metades da laranja”, é conversa para boi dormir.

Portanto, Lindona, preocupe-se, a partir desse momento, em preencher tua vida daquilo o que faz sentido para você sem ficar criando expectativas de que virá alguém e dará algum sentido a ela (vida). Ocupar-se e se encher de vida é uma responsabilidade tua e não permita jamais que alguém venha e faça isso por você, caso não queira permanecer na mão dessa pessoa.

Sabe, Amiga, vejo isso acontecer até mesmo com mães que se preenchem com a vida dos filhos e esses, quando vão embora, deixam uma tremenda lacuna na vida delas… Por mais que uma mãe se dedique aos cuidados com os filhos, jamais deve se esquecer de quem é e que possui uma vida que vai além da maternidade.

Então, fica aqui a dica para que você reflita se está, ou não, com essa lacuna em tua vida e caso esteja, vá já preenchê-la de si mesma, das coisas que gosta e que te dão sentido.

Se estiver em um relacionamento, observe se não está se deixando demais levar pelas atividades que envolvem exclusivamente as necessidades e gostos dele…  Não abra mão, jamais, daquilo o que faz sentido para você. Caso perceba isso na tua relação, está na hora de rever os acordos, caso não queira ocupar o lugar de dependente, vulnerável e, por fim, tornar-se uma mulher parasita.

E para você que ainda não me conhece, lindona, eu, Vanessa de Oliveira, venho estudando o ser humano, num amplo aspecto (psicológico, emocional, relacional) já há anos e, hoje, como autoridade na área de relacionamentos proponho ensinar a você o conhecimento capaz de ajudá-la a se autoconhecer para se desenvolver num amplo espectro da vida pessoal, social, amorosa, profissional e por aí vai…

Certamente, lindona, ao se inteirar mais sobre os ensinamentos que passo através dos meus cursos, você sairá uma mulher verdadeiramente poderosa. São anos e anos, ajudando milhares de mulheres, amiga, e os depoimentos a seguir falam por si, olha só:

Esses são apenas alguns, entre os milhares, dos depoimentos que recebo dia após dia, miga e não param. Eu acredito que, como uma mulher inteligente, se você chegou até aqui, certamente você está disposta e quer muito ir mais adiante, não é mesmo?

Estamos falando de um aprendizado que envolve o conhecimento sobre além, apenas, das estruturas comportamentais e, para isso, amiga, basta você seguir direitinho as minhas instruções e estar aberta para aprender mais sobre si mesma, que a coisa simplesmente vai acontecer, até mesmo sem que você perceba… Quando viu, já foi… tipo isso.

No mais, é sempre bom você estar atualizada e atenta aos sinais que a vida te dá… E se você está lendo isso, nesse momento…

No meu curso, amiga, você terá tudo isso o que eu escrevi aqui nesse texto, com muito mais profundidade e mais, lindona… muito mais. INSCREVENDO-SE, CLICANDO NO BOTÃO ABAIXO, você passará a ter acesso ao melhor conteúdo sobre relacionamentos, coquista, sedução, atração e tudo mais que abrange a vida a dois…

Dá só uma olhada em todo o conteúdo que você terá acesso, lindona, e vê se dá para deixar passar essa chance:

  • Aprender através de vídeos sequenciais, qual é a filosofia de vida de uma mulher magnética;
  • Quais são as ações que você deve tomar desde o momento do encontro até na hora em que estiver se relacionando com o cara;
  • Qual é o comportamento social mais adequado que você deve passar a ter;
  • Como você deve olhar para sua história e o que fazer nas mais variadas situações em relação ao amor;
  • Como potencializar o seu poder de conquista.
  • Vai aprender como se relacionar com os homens, e como desmistificar esse “grande bicho de 7 cabeças” da maioria das mulheres;
  • Você vai saber absolutamente tudo o que eu sei sobre sexo,

E muito… muito mais…

Em outras palavras, trata-se de um processo de desenvolvimento da sua vida pessoal e amorosa que não consiste apenas em Atrair e Seduzir, mas também, de trabalhar a Autoestima e Autoconfiança que são capazes de fazer você transformar sua vida daqui para os próximos 30 Dias… Quer mais? Então tá… Você ainda terá acesso ao Clube da Mulher Magnética, onde poderá conversar diretamente comigo pelos próximos 30 dias (sem pagar nada a mais por isso)…

É mole ou quer mais…? Te espero na primeira aula, lindona…

Até nossa próxima postagem e se essas dicas foram úteis para você, COMPARTILHE nas suas redes sociais. Compartilhar é se importar, o que ajudará outras mulheres.

Vanessa de Oliveira.

049