Seja poderosa, sedutora e magnética

Home / Home / COMO LIDAR COM AS SUAS INSEGURANÇAS

O Maior Portal de Cursos Online Para Mulheres do Brasil

COMO LIDAR COM AS SUAS INSEGURANÇAS

SHARE
, / 1942 0

A primeiríssima coisa que você precisa entender, amiga, é que a insegurança não faz parte da tua personalidade e sim, tem a ver com as crenças que foram sendo construídas em ti no decorrer da tua vida, nos teus ambientes e situações.

Estou te dizendo isso, lindona, para que você entenda que: uma vez que essas tais crenças limitantes foram instaladas em ti, e que certamente te prejudicam, da mesma maneira, elas poderão ser trabalhadas para que desapareçam e você passe a, finalmente, agir com mais liberdade, espontaneidade e totalidade… Faz sentido? então vem comigo…

Em primeiro luga, amiga, o que são essas tais “crenças limitantes”?

Crenças limitantes são resultados de interpretações negativas das experiências que vivemos.

No momento que nos identificamos com uma situação ou modelo, nossas decisões acabam sofrendo influências desse padrão, impedindo, muitas vezes, que a gente consiga romper o padrão instalado… por exemplo: Imagine que em algum momento da minha vida eu tenha tomado um terrível fora daquele menino lindo da escola… Certamente, dependendo da relação emocional que eu tive com a situação, ou com o significado que dei para esse fato, certamente, toda a vez que eu quiser chegar em algum cara, virá uma voz na minha cabeça e dirá: “cuidado… Ele vai te humilhar…”

Isso será o suficiente para me impedir de agir, amiga, e, talvez, com essa limitação, eu possa ter perdido a chance de conhecer uma grande pessoa e até ter podido desenvolver um relacionamento em algum momento da vida, mas, que se perdeu por conta do meu medo, da minha trava, da minha INSEGURANÇA construída em algum momento da minha vida, mas que até hoje é capaz de influenciar as minhas decisões relacionadas a situações similares… Consegui explicar, lindona?

Pois bem…

Como o intuito aqui é orientar você para SUPERAR essas inseguranças, vamos ao que interessa: agora que você sabe como essas crenças são instaladas e podem te influenciar no momento de agir, imagine isso amplificado, por exemplo: pense na situação de uma criança que cresce sem a devida atenção da mãe ou do pai, dada a circunstância de que, sem orientações e cuidado, cresceu levando bordoadas do mundo… Como você acha, amiga, que essa pessoa vai crescer e de que maneira (postura) ela tenderá a enfrentar as situações da vida?

Certamente ela será uma pessoa bastante insegura, não é mesmo? Pois bem… É esse ponto que é importante que você se atente… de que você “não é assim”, mas “está assim” por conta da sua História de vida e suas devidas intercorrências.

Vamos lembrar (do exemplo) do terrível “fora” que tomei na época da escola e que, por algum motivo, pode ter me transformado em uma mulher insegura em relação aos homens… Certamente, amiga, o que eu deveria fazer é o que pode ser chamado de APROXIMAÇÃO SISTEMÁTICA, que consiste na ideia de que eu devo começar a agir, passo a passo, em direção àquilo o que me causa temor.

O primeiro passo (e bastante seguro) seria eu começar a puxar papo com os homens… Certamente trata-se de uma situação inofensiva e que certamente não me colocaria em maus lenções. Partindo disso, eu estaria quebrando um padrão mental e reforçando a ideia de que “não há perigo em puxar conversa”. Essa ação seguida da consequência positiva, criaria um novo caminho neuronal em que “eu não me dei mal” e, daí, a ideia fixa de que eu me daria mal, abriria espaço para uma nova e positiva possibilidade.

Seguindo esse plano, quando eu já estivesse mais à vontade em “puxar conversas” certamente o segundo passo seria conversar mais com os homens sem me sentir acuada ou envergonhada… A vergonha inibe um bom papo, pois nos gera a sensação de que “estamos nos expondo ao ridículo” e isso é bem ruim para os negócios…

Uma dica, amiga: procure conversar sobre coisas que te agradam e que fluam bem para ti…

Depois de adquirir mais confiança, as consequências serão naturais… Daí você estaria entrando nas esferas da sedução e o buraco aí é mais embaixo, pois existem estratégias partidas dos princípios do que venha a ser a essência da sedução e isso você deve se inteirar e aprender a dominar, amiga, caso queira ser a mestra nesse tipo de arte.

No mais, espero que tenha ficado claro para ti que, para superar uma crença limitante, é necessário que você exponha dentro de uma medida e sempre iniciando por situações de menores impactos para então ser capaz de seguir para as mais complexas.

Na medida em que você cria novos caminhos no seu cérebro, certamente você estará gerando uma segurança maior e isso, como consequência, poderá impactar diretamente na tua autoestima, ou seja: a sua visão mais positiva sobre si mesma baseada nas consequências geradas pela tua exposição nesse mundão.

Quanto à  arte da sedução, lindona, se isso te instigou, que tal você se inscrever no curso definitivo que vai te ensinar sobre as bases e estruturas que compõem tanto os comportamentos relacionados com a ATRAÇÃO, como os voltados pra a SEDUÇÃO e, finalmente, o “xeque-mate” da CONQUISTA? CLIQUE AQUI AGORA e se torne minha aluna… Isso se você estiver pronta para dar uma reviravolta na tua vida amorosa, lindona.

Veja só, amiga, o que te espera:

  • Você vai descobrir as técnicas de atração para conquistar o homem que você quiser;
  • Você vai se tornar mais segura e se fazer indispensável;
  • Vai aprender a extrair de si os comportamentos necessários para jogar com as emoções dele e fazer os ventos soprarem ao seu favor (SEDUÇÃO);
  • Vai aprender tudo o que uma verdadeira Mulher Magnética é capaz de fazer quando o assunto é CONQUISTA.

Tudo isso e muito mais… Muito mais mesmo…

Você terá nas suas mãos um método claro para aumentar a sua autoestima e obter os melhores resultados na sua vida pessoal e amorosa e nunca mais se machucar por homem nenhum e se você acha que é o bastante, lindona, ainda te darei de bônus 30 dias grátis para falar diretamente comigo, através do Clube da Mulher Magnética… 

Creio que depois disso, amiga, você já deve saber sobre a melhor decisão a tomar. Vem comigo… Te espero do outro lado.

Beijinhos…

Vanessa de Oliveira.

001