Seja poderosa, sedutora e magnética

Namorado com filhos: saiba como lidar!

SHARE
, / 2708 0

Depois de flertar e ir atrás, você conseguiu conquistar o homem ideal. Bonito, bem-sucedido, adulto, equilibrado, tudo o que você sempre desejou. Mas havia um detalhe que descobriu depois: ele é um namorado com filhos.

É, linda, isso pode realmente parecer um problema sério. Mas precisa ser? Ou há boas formas de lidar com isso e, até mesmo, ver vantagens nessa relação?

Um relacionamento com um namorado com filhos pode ser um desafio, mas, na verdade, os problemas costumam ser mais consigo mesma. Ciúmes, competitividade, intolerância, dependência emocional, carência podem ser algumas das razões pelas quais você não consegue enfrentar essa situação. Compreender por que um namorado com filhos é um problema pode te mostrar muito de si mesma. Embarcar nessa pode ser, inclusive, uma boa viagem de autoconhecimento.

O principal problema que enfrentamos ao ter que lidar com essa situação é o ciúme. Quando estamos com alguém queremos nos sentir a pessoa mais importante do mundo para aquela pessoa, certo? Mas, quando se tem um namorado com filhos, estes virão em primeiro lugar. O que é natural, afinal, se não for assim, você realmente quer ficar com esse homem? É algo a se pensar, não é, lindona?

Segundo, temos que lidar com o fato de que o tempo livre dele não é só nosso. Dividir o namorado com alguém, mesmo que esse alguém seja um filho, pode ser complicado e um limitador inconveniente. Afinal, os planos precisam sempre passar pela possibilidade de levar as crianças junto, encontrar espaço na agenda já apertada, etc.

E terceiro, um namorado com filhos significa um namorado com uma ex que vai, necessariamente, fazer parte da vida dele e, portanto, da sua. E a gente sabe que pode ser desastroso ter qualquer relação com a ex, certo? Ou será que não?

Poderíamos aqui conversar sobre outros problemas. Mas não queremos acabar o seu namoro, e sim saber como lidar com um namorado com filhos e fazer a relação dar certo. Então, vamos lá, linda! Hora de pensar em como resolver isso e aprender a conviver em harmonia.
Todo mundo tem bagagem

Amiga, vamos ser sinceras: se você quer um homem na sua vida, você tem que lidar com a bagagem emocional dele e ele com a sua.

Ao longo da vida, vamos acumulando uma série de preconceitos, relacionamentos passados, traumas, exigências e pessoas que fazem parte das nossas vidas. Quando entramos em um novo relacionamento, precisamos ter a noção de que, assim como nós, o namorado também acumulou tudo isso. E uma dessas bagagens pode ser ele ter filhos.

A primeira questão é: você está disposta a lidar com a bagagem dele? É preciso ser muito sincera aqui. Não estamos falando se você já está pronta para isso logo de cara, mas se ele vale o esforço de procurar meios para enfrentar essa situação. Ninguém nasce preparada para um relacionamento desses e vai ser preciso sua boa vontade e paciência para desbravar esse caminho.

A segunda questão é: você está disposta a lidar com sua própria bagagem emocional? Nenhum relacionamento é fácil, mas se envolver com os filhos do namorado pode despertar problemas sérios do passado e questões importantes do futuro.

Portanto, é preciso exercitar a compreensão, empatia, consideração, enfim, atingir uma altainteligência emocional para saber avaliar as melhores estratégias de convivência e conseguir se aproximar com naturalidade.

Então, se você estiver disposta, vamos nessa descobrir o que precisamos fazer para conseguir que essa relação dê certo da melhor forma possível.
Dê tempo ao seu namorado

Entrar em um relacionamento não é fácil para ninguém, amiga. O processo de cumplicidade e abertura leva um tempo, a gente sabe. E quando ele tem filhos, então, é muito provável que seja cauteloso ao apresentá-la e permitir a sua convivência com eles.

Isso pode parecer um problema, como se ele não confiasse em você. Mas, na verdade, o fato de ele ter essa preocupação mostra que é um pai zeloso pelos filhos. E isso é uma qualidade e tanto, não?

Entenda o lado dele: ele não quer forçar uma aproximação sem ter certeza tanto da boa receptividade de ambos os lados. É importante ter a certeza de que os filhos estão bem resolvidos com o fato de o pai estar namorando e que a namorada — isso mesmo, você, gata — esteja bem resolvida com o fato de ele ter filhos.

Dê tempo ao seu namorado para que ele possa manejar a situação. Pressionar para ser apresentada aos filhos pode ser um tiro no pé da relação. Aja com naturalidade, deixe o assunto fluir sem pressão e deixe-o se sentir confortável para dividir esse aspecto da vida com você.
Dê tempo a si mesma

Tão importante quanto dar tempo ao namorado é dar tempo a si mesma para processar e entender a situação. Você não é obrigada a lidar com os filhos dele sem estar preparada. Tenha uma conversa clara e aberta sobre isso, diga se já está se sentindo confortável ou não, quais suas preocupações e o tempo que precisa para poder se sentir bem em relação aos filhos.
Não se pressione para isso. E não deixe que ele a pressione. Uma aproximação sem preparo emocional pode ser desastrosa e abalar seriamente o relacionamento. Tenha a certeza de que você está bem resolvida e disposta a conhecer os filhos do seu namorado. O seu tempo é tão importante quanto o dele, e só quando todos estiverem preparados é que esse encontro deve acontecer.
Não dê tempo demais

Mas também não vamos exagerar, não é, linda? Se ele estiver evitando que você se encontre com os filhos dele, enrolando ou mesmo ativamente dizendo que não é hora, pode ser que haja um problema aí.

Por que ele está evitando isso com tanta força? Nessa hora, o melhor é analisar se você está passando os sinais certos de que está já confortável com a situação ou mesmo ter uma conversa séria sobre o assunto e descobrir os motivos.

Se, por outro lado, é você que está evitando e enrolando para ter esse encontro, é hora de olhar para si mesma e ver qual é o problema. Se ele quer lhe apresentar os filhos, é porque ele confia em você e a quer na vida dele de verdade. Prepare-se, mas não lute contra isso. É um curso natural quando se tem um namorado com filhos.
Nunca demonstre ciúmes dos filhos

Ter ciúmes é natural. Todas nós temos, em maior ou menor grau, certo amiga? Pois é, mas é importante entender e lidar com esse sentimento, especialmente em relação aos filhos dele.

Tenha em mente que você não está competindo com os filhos. Até porque, se você entrar nessa competição, vai perder. Afinal, os filhos são e devem ser prioridade e sempre farão parte da vida dele, mas você ainda está começando esse caminho.

Amiga linda, você está gostando deste assunto? Então CLICA AQUI e aproveita para receber uma Aula Grátis Transformadora, que vai te ensinar a deixar os homens completamente apaixonados por você! Basta deixar seu e-mail AQUI e você poderá assistir a aula quando quiser, vou enviar essa aula por e-mail para você!

Se ter ciúmes é inevitável, não demonstre. Trabalhe consigo mesma para entender que sua posição não é comprometida pela existência dos filhos. Vocês ocupam espaços diferentes na vida do seu namorado e podem conviver em harmonia. Procure entender a relação pai-filho dele e veja nisso uma coisa boa. Com o tempo, perceberá que esse ciúme é um sentimento sem fundamento e ele deixará naturalmente de existir.
Nunca desrespeite a mãe dos filhos dele

Em boa parte dos casos, o namorado com filhos é um namorado com ex presente. A mãe dos filhos vai também fazer parte da sua vida, e é importante também aprender a lidar com ela.

Independentemente da relação do seu namorado com a ex, é preciso sempre manter o respeito. Tanto para não parecer a atual louca implicante como para não entrar em discussões desnecessárias que poderão abalar o relacionamento. Por isso, sempre respeite a ex dele, especialmente na frente dos filhos dela. Mãe é sagrada e não se deve mexer com isso.

Se a relação deles for boa, é importante a sua também ser. Procure ter um relacionamento cordial e educado com ela. Não é preciso ter ciúmes, raiva ou demonstrar agressividade. Afinal, lindona, ele está namorando é com você.

Se, no entanto, a relação deles for ruim, mantenha distância desse assunto e dela. Não dê oportunidades para ser atacada ou, pior, ter conflitos. Nunca fale mal da mãe dos filhos e, mesmo que fique sabendo que ela fala mal de você, encare com superioridade. Lidar com essas adversidades, infelizmente, pode fazer parte do pacote.
Não tente ser a mãe deles!

Passando o ponto da aproximação com os filhos, precisamos falar sobre como trabalhar seu relacionamento com eles. O primeiro passo é entender sua posição. Você não é mãe deles e nem deve tentar ocupar essa posição. Eles já têm uma mãe e seu lugar é como namorada do pai deles e, com o desenvolvimento da relação, quem sabe a de madrasta.

A educação dos filhos compete ao pai e à mãe. O seu namorado deve ouvir suas opiniões, é claro. E é seu direito ter uma conversa franca sobre o que pensa. Mas a palavra final é dele e você deve respeitá-la sempre.

O ideal é você ter uma boa relação com os filhos do namorado. Alguns conselhos, boas conversas, momentos agradáveis, companhia. Mas quando se trata de educar, deve deixar essa tarefa para o pai e a mãe.
Seja companheira

Estar em um relacionamento é começar uma parceria, um time. Vocês estão juntos para ter uma vida, dividir momentos bons e ruins, criar boas lembranças e construir uma família. Mas os filhos dele também farão parte dessa família, e cabe a você entender e aceitar isso.

Ser companheira é estar presente, atenta e trabalhar junto com ele os problemas que possam aparecer, inclusive na criação dos filhos. Embora não seja seu papel ser mãe, é seu papel ser conselheira e apoiadora.

Colocar-se contra os filhos, evitar o assunto ou ignorar os problemas como se não fossem seu mostra falta de companheirismo — algo que nenhuma relação aguenta.
Jamais mencione os filhos em discussões ou problemas

Os problemas do casal são do casal. É inevitável, em qualquer relacionamento, que se tenha brigas ou discussões, haja problemas e percalços. Superá-los é o que torna a relação mais forte.

Usar os filhos do namorado como argumento em uma discussão mostrará sua insegurança e incapacidade de lidar com a situação. Dizer que aguenta os filhos dele e por isso ele precisa fazer algo ou suportar alguma coisa, por exemplo, é um excelente jeito de sabotar a relação.

Por isso, controle-se quando for discutir. Ele ter filhos não é um problema e não deve ser mencionado como se fosse.
Ajude no que for possível

Mesmo você não sendo a mãe das crianças, você pode ajudar. Na verdade, oferecer-se para coisas simples, como buscar na escola, levar em uma consulta, sair para tomar um sorvete, pode ser uma excelente forma de se aproximar dos filhos e estreitar os laços de seu relacionamento.

Tente fazer isso com naturalidade e sem pressa. Comece pequeno, acompanhando as atividades dele com os filhos, até todos se sentirem confortáveis e confiantes o suficiente para você poder fazer isso sozinha. Participar da vida do namorado com filhos é participar da vida dos filhos.
Não tenha medo de conversar

Amiga, se você notar algo errado ou que não concorda, não deve ter medo de dizer o que pensa. Inclusive, porque pode ser um problema que virá à tona no futuro se silenciar. Por isso, converse com seu namorado para descobrir como lidar com situações problemáticas que surjam na convivência com os filhos.
Entenda o tempo particular dele com os filhos

Mesmo você sendo parte da vida dele, é possível e provável que ele precise e peça um tempo sozinho com os filhos. Isso não deve ser motivo de ciúmes ou discussões, como já conversamos. É importante que ele tenha e crie esses laços. Dê apoio a isso e permita esse espaço com o coração aberto.

Você não deve se sentir, nessas horas, preterida de qualquer forma. É apenas uma necessidade dele de fortalecer o relacionamento com os filhos, o que mostra a preocupação dele com a família.
Converse sobre ter filhos

Um dos pontos mais cruciais quando se tem um namorado com filhos é: como vai ser se você quiser ter filhos?

Nós entramos em um relacionamento com a expectativa de que seja longo e sólido, para construir uma vida juntos. Só que muitos homens que já têm filhos de outros relacionamentos não desejam mais crianças. Isso pode ser um problema se ser mãe for um dos seus planos.

Se você quer ser mãe, isso é um assunto que precisa ser conversado, logo que o relacionamento ficar mais sério. E, possivelmente, terá que fazer uma escolha entre ficar com ele ou partir para a próxima.

É verdade que muitos mudam de ideia depois de um tempo. Mas, se ele for irredutível quanto a isso, melhor não apostar em conseguir fazer a cabeça dele no futuro.

Ter que lidar com um namorado com filhos não é fácil, é verdade. Mas com essas dicas, nem parece tão difícil, não é, amiga? Você tem mais alguma dúvida? Ou quer deixar algum conselho para outras mulheres magnéticas nessa situação? Então é só escrever no espaço de comentários e aproveite para se inscrever na minha NEWSLETTER clicando AQUI.

ASSISTA A AULA GRÁTIS

DEIXE ELE APAIXONADO POR VOCÊ!

Preencha os campos com seu nome e e-mail para ter acesso à aula grátis !